PROBLEMATIZANDO A DEMOCRACIA NA ESCOLA: SENTIDOS E PERCEPÇÕES DE PROFESSORES DO ENSINO MÉDIO PÚBLICO SOBRE A PARTICIPAÇÃO DEMOCRÁTICA DO ALUNADO

José Augusto Gerônimo Ferreira, Leticia Rodrigues da Silva Santos, Tamires Farias de Oliveira, Jorge Antonio Vieira

Resumo


O estudo investiga o tema das participações democráticas dos alunos em ambientes escolares, em suas diversas manifestações, a partir das percepções e sentidos de professores em rede pública de ensino. O conceito de democracia indica a ação que se constrói por reciprocidade, pela coordenação de pontos de vista, pelas operações de correspondência ou complementaridade e pela existência de regras autônomas de condutas fundamentadas no respeito mútuo. O estudo realizou-se por meio de pesquisa bibliográfica e pesquisa de campo com professores de escolas da rede pública de ensino em Umuarama/PR, mediante instrumento entrevista, na modalidade de entrevista semiestruturada, indagando sobre a questão da educação participativa e suas repercussões. A hipótese é de que a escola, utilizando-se das relações simétricas e cooperativas, torna-se um espaço de extrema importância no auxílio do desenvolvimento da autonomia do sujeito e suas habilidades sociais cooperativas. Os resultados são discutidos em dois eixos temáticos: a participação dos alunos em assembleias e conselhos; os sentidos envolvidos quanto à efetivação de iniciativas democráticas para prevenção e gestão dos fenômenos nomeados como indisciplina na escola.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25110/educere.v16i2.2016.5973