ESTIMATIVA DO CUSTO DE CAPITAL EM COOPERATIVAS AGROPECUÁRIAS: RESULTADOS DE UMA INVESTIGAÇÃO EMPÍRICA

Régio Marcio Toesca Gimenes, Fátima Maria Pegorini Gimenes, Bruno Alex Branco

Resumo


O objetivo do presente artigo é mensurar o custo médio ponderado de capital de cooperativas agropecuárias. A fundamentação teórica do estudo contemplou os aspectos relacionados ao esgotamento do sistema nacional de crédito rural e os modelos para mensuração do custo de capital. Os resultados foram obtidos a partir dos demonstrativos financeiros de uma amostra de 44 cooperativas agropecuárias, localizadas em oito estados brasileiros para o exercício fiscal de 2008. A taxa média apurada para o custo de capital foi de 14,28% ao ano, cuja mediana situou-se em 14,16%. A discussão dos resultados permitiu apontar que 60% das cooperativas em estudo geraram um retorno sobre o capital investido inferior ao seu respectivo custo.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25110/receu.v10i1.3626