MIGRAÇÃO NUMA FRONTEIRA EM DESENVOLVIMENTO - TRANSFORMAÇÕES DEMOGRÁFICAS NO SUDOESTE DO ESTADO DO PARANÁ

Ricardo Rippel

Resumo


O objetivo maior do estudo é o de analisar a dinâmica demográfica e a evolução da localização da população rural e urbana (rurbana) nos municípios do sudoeste do Paraná, de 1970 a 2010. Para tanto foram utilizados diversos indicadores demográficos de distribuição populacional e da migração na região, e de dados censitários; bem como, fez-se uso do método de análise regional por meio do cálculo dos indicadores de localização (quociente locacional e coeficiente de localização) e redistribuição (coeficiente de redistribuição), medidas que apontam o padrão de localização e de redistribuição da população por domicílio entre os municípios. Viu-se então que os resultados demonstraram que o panorama de concentração da população urbana e rural nos municípios no sudoeste do Estado do Paraná não sofreu modificações impactantes no período recente, vez que os municípios que concentravam a população urbana em 1970 continuaram a fazê-lo durante os anos das últimas décadas, mesmo com as grandes transformações econômicas e sociais da área, especialmente entre os municípios que fizeram oscilar o comportamento em questão na região. Cumpre assinalar o fato de que a exceção de Francisco Beltrão e Pato Branco os demais municípios da área ainda possuem uma população rural representativa.

Texto completo:

PDF