ANÁLISE DE DESEMPENHO DAS COOPERATIVAS DE CRÉDITO DO ESTADO DE SANTA CATARINA: APLICAÇÃO DO SISTEMA PEARLS

Pedro Vinicius Silva Cunha, Willer Carlos de Oliveira, Isabel Cristina Gozer

Resumo


As cooperativas de crédito são instituições financeiras reguladas pelo Sistema Financeiro Nacional (SFN), normatizadas pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) e supervisiodas pelo Banco Central do Brasil (BACEN). A procura pelas cooperativas de crédito se intensificaram, principalmente, pelo fato delas oferecerem os mesmos produtos e serviços que um banco convencional, mas com taxas e benefícios mais atrativas. Contudo, a preocupação com a capacidade financeira destas instituições, vem sendo alvo de estudos que possibilitam a avaliação de seus resultados através da padronização de seus índices para avaliação dos riscos, controle e supervisão, o sistema PEARLS, criado pelo Conselho Mundial de Cooperativismo de Crédito (WOCCU). Assim, o presente estudo buscou construir a tabela de índice-padrão do setor do cooperativismo de crédito, a fim de avaliar a situação das cooperativas por meio dos decis obtidos pela construção e análises de tabelas. A metodologia utilizada foi o estudo de caso, que teve como amostra 32 Cooperativas de Crédito Mútuo do Estado de Santa Catariana no ano de 2014. As informações foram tiradas do site do Banco Central do Brasil, utilizando o Sistema PEARLS para realização do cálculo dos índices. Observou-se que, em alguns casos, como no indicador R4, aproximadamente 45% não apresenta nenhum índice. No indicador S5, 80% ficou com índice igual a zero, o que não é uma situação favorável. Também vale destacar o indicador S7, que apresentou um ótimo desempenho, chegando a atingir um crescimento de 154% do Patrimônio Líquido Ajustado.

Texto completo:

PDF