Comportamento cardiovascular dos servidores da Universidade Estadual de Maringá quando submetidos a teste de esforço físico em cicloergômetro

Celso Ricardi Biasi, Diógenes Sanches

Resumo


As doenças do sistema cardiovascular ocupam destaque entre as causas de morte nos paises industrializados. Sabe-se que a melhor forma de se evitar tais doenças como a hipertensão arterial é adotar hábitos de vida mais saudáveis, como uma boa alimentação, atividade física regular e evitar o tabagismo. Sendo assim, torna-se de fundamental importância, para indivíduos que possuem fatores de risco para tais doenças, saber como reage o sistema cardiovascular em resposta ao esforço físico. Neste estudo analisou-se o comportamento cardiovascular dos servidores da Universidade Estadual de Maringá. Observamos um total de 40% (10 casos) de hipertensão arterial na amostra feminina e de 57% (43 casos) na amostra masculina. Também observamos que para 12% (03 casos) da amostra feminina e para 7% (05 casos) da amostra masculina houveram alterações no traçado eletrocardiográfico e no comportamento cardíaco. Também observamos, tanto na literatura como nos testes, ser o sobrepeso um fator de risco para o surgimento da hipertensão arterial e que quanto maior o sobrepeso maior foi o nível de hipertensão arterial encontrado. Assim, sugerimos aos indivíduos hipertensos o controle do peso através de atividade física regular com o acompanhamento de um profissional qualificado.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25110/arqsaude.v7i2.2003.1067