AVALIAÇÃO ANTROPOMÉTRICA E CONSUMO ALIMENTAR DE PRÉ- ESCOLARES EM CRECHES DE UMUARAMA, PARANÁ

Gilberto Alves, Érica Valentini Colauto, Jéssica Kehrig Fernandes, Luciana Zabine, Raquel Cristine Nienow

Resumo


Na atualidade, as creches representam um grande avanço social, permitindo que as mães possam permanecer no mercado de trabalho, principalmente das médias e grandes cidades. Desta forma, as mães não acompanham de perto a alimentação de seus filhos, sendo que, na faixa etária de pré-escolares, uma boa alimentação é importante para a manutenção da saúde e criação de bons hábitos alimentares. Tendo isso em vista, este trabalho teve como objetivo realizar uma avaliação antropométrica e do consumo alimentar de crianças em creches da cidade de Umuarama, estado do Paraná. A avaliação antropométrica foi realizada com cálculo do IMC e dos escores z para peso/idade, peso/estatura e estatura/idade. A avaliação do consumo alimentar foi realizada pelo método de pesagem direta dos alimentos oferecidos. Os resultados indicaram que os pré-escolares apresentavam uma tendência ao aumento de peso e de estatura e, quanto à oferta de nutrientes nas creches, proteínas e sódio estavam acima das recomendações, enquanto os demais nutrientes e energia encontravam-se abaixo do recomendado. Esses resultados indicam ser necessária uma maior vigilância quanto à oferta de nutrientes oferecidos aos pré-escolares que freqüentam creches.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25110/arqsaude.v12i2.2008.2386