ASPECTOS EPIDEMIOLÓGICOS DOS PACIENTES NOTIFICADOS COM TUBERCULOSE NA MICRORREGIÃO DE UMUARAMA – NOROESTE PARANAENSE DE 2009 A 2014

Liliam Carla Cardoso, Regina Melquiades, Janaina Alves Magalhães, Simone Santos Carvalho, Gilneia da Rosa, Luiz Sérgio Merlini, Vanessa Augusto Praça Julião

Resumo


A tuberculose é uma doença infecciosa e transmissível, causada pelo bacilo aeróbico Mycobacterium tuberculosis ou por qualquer uma das sete espécies que integram este complexo, afeta prioritariamente os pulmões, embora possa acometer outros órgãos. A apresentação pulmonar é a mais frequente e relevante para a saúde pública, pois é a principal forma de transmissão da doença. O objetivo deste estudo foi analisar os aspectos epidemiológicos dos casos de pacientes notificados com tuberculose juntos ao Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN) adjacente a 12ª Regional de Saúde da microrregião de Umuarama, Paraná, no período de 2009 a 2014. Durante o período pesquisado, foram notificados 533 pacientes com tuberculose, sendo 64,4% do sexo masculino, 35, 3% com faixa etária de 40-59 anos, 29,3% com Ensino Fundamental incompleto, 93% residiam em área urbana, 81,6% das ocorrências com forma pulmonar, 6,2% de prevalência coinfecção TB/HIV, 4,2% de índice de abandono do tratamento, 3,2%, de óbito em decorrência da doença, 1 caso de multirrestência e percentual de cura de 68,0%. Os resultados ressaltam dos pacientes que realizaram o tratamento a taxa de cura mostrou-se abaixo da meta estabelecida pela OMS. Portanto, é de extrema importância a necessidade de se propor programas educativos para a população com medidas de prevenção primária, já que em 4,2% dos casos houve abandono do tratamento com a permanência do indivíduo como fonte de contágio e a continuidade da disseminação da doença nesta microrregião.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25110/arqsaude.v22i3.2018.6162