EXTRATOS DE Brunfelsia uniflora NA GERMINAÇÃO DE SEMENTES DE Crotalaria spectabilis

Elizeu Junior da Silva, Samuel Pereira Custódio, Simone de Melo Santana Gomes, Victor Cesar Sartori Andre, David Maran dos Santos, Raiane Pereira Schwengber, Zilda Cristiani Gazim

Resumo


As sementes do gênero Crotalaria L., de um modo geral, apresentam dificuldades no processo germinativo. O objetivo da pesquisa foi avaliar a eficiência do extrato bruto de Brunfelsia uniflora na germinação de Crotalaria spectabilis. O delineamento foi inteiramente casualizado, com quatro tratamentos e quatro repetições. Os tratamentos foram extratos das folhas e flores de B. uniflora nas concentrações 25, 50, 100% e tratamento testemunha (0%). O experimento foi conduzido no laboratório de Fitopatologia da Universidade Paranaense – UNIPAR, Umuarama - PR. As folhas e frutos coletados foram expostos à secagem natural e posteriormente submetidos ao processo de maceração dinâmica com esgotamento e rota evaporação do etanol, obtendo o extrato bruto. As sementes foram expostas as diluições do extratos durante dois minutos, na sequência, foram dispostas para a secagem e distribuídas em rolo papel e armazenados na B.O.D., na temperatura de 26ºC. Na contagem, aos 4 e 10 dias, determinou-se a porcentagem de plântulas normais e anormais, sementes duras e dormentes. Os extratos brutos da folha e flor de B. uniflora não ocasionaram diferenças estatísticas significativas para as variáveis analisadas, demonstrando ausência de efeito antagônico.

Texto completo:

PDF