SENSIBILIDADE PARASITOLÓGICA DE DIFERENTES LOCAIS DE COLHEITA PARA O DIAGNÓSTICO DE LEISHMANIOSE EM CÃES

Paulo Henrique Braz, Marylisa Aparecida Medeiros de Lima, Jessica Santana Maia

Resumo


A leishmaniose é uma zoonose de grande importância para a saúde pública. São grandes os estudos para que se conheçam diferentes técnicas para diagnóstico e que estes testes tenham alta sensibilidade. Este estudo teve como objetivo comparar a sensibilidade do teste parasitológico frente a diferentes locais de colheita de material biológico. As amostras colhidas do linfonodo e medula óssea se mostraram igualmente os mais sensíveis, na ordem de 44% dos casos. Estes valores elevaram-se ao realizar a pesquisa do parasito simultaneamente em duas técnicas.

Texto completo:

PDF