HÁBITOS ALIMENTARES DE Apistogrammoides pucallpaensis Meinken, 1965 EM AMBIENTES DE VÁRZEA NA RESERVA DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL MAMIRAUÁ - RDSM, REGIÃO DO MÉDIO SOLIMÕES, AMAZÔNIA, BRASIL

Andreza Carvalho Ferreira, Danielle Cavalcante Rossato, Jomara Cavalcante de Oliveira, Eurizângela Pereira Dary, João Cândido André da Silva Neto, Wilsandrei Cella

Resumo


A Reserva de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá (RDSM), possui ambientes tanto de várzea quanto de terra firme os quais são influenciados pela força do pulso de inundação, estes ecossistemas estão entre os mais importantes sistemas aquáticos amazônicos em termos de biodiversidade. A espécie em estudo Apistogrammoides pucallpaensis pertencente à família Cichlidae que apresentam características singulares para Aquariofilia. O presente estudo busca conhecer o comportamento alimentar de A. pucallpaensis e assim, contribuir com a compreensão dos processos que regulam os ecossistemas aquáticos dos ambientes de várzea da RDSM. A análise da dieta foi feita a partir da análise do conteúdo estomacal. Para a determinação da dieta, foram analisados os conteúdos estomacais de 200 indivíduos. Verificou-se que a espécie em estudo ingeriu um amplo espectro alimentar composto por 27 itens que foram agrupados em 4 categorias denominadas de Algas Diatomacea, Insetos aquáticos, Invertebrados aquáticos e outros. Conclui-se que A.pucallpaensis nestes ambientes são eurifágicos, possuindo hábitos alimentares carnívoros com tendência a insetivoria, tendo em vista que 98,9% do alimento é composto por insetos e invertebrados aquáticos. Destaca-se ainda, que o registro desta espécie é nova para o território brasileiro, pois sua ocorrência é comum somente nas regiões do baixo rio Ucayali, no Peru, e no rio Amazonas, região do Peru e Colômbia.

Palavras-chave: Dieta, peixe, Amazônia


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25110/arqvet.v21i2.2018.6761