SAÚDE DE BIVALVES MARINHOS: vigiar para prevenir

Maria Luiza Toschi Maciel, Aimê Rachel Magalhães

Resumo


Este artigo consiste em uma revisão de literatura relacionada com a ocorrência de enfermidades em bivalves marinhos. Trata-se de uma revisão sistemática, com os seguintes critérios de inclusão: (1) enfermidades que ocasionaram prejuízos à atividade e enfermidades que constam da lista de declaração compulsória à Organização Mundial da Saúde Animal; (2) publicações de janeiro de 1968 a dezembro de 2008; (3) escritas no idioma inglês, português, espanhol ou francês. Realizou-se a busca em cinco bases de dados: REPIDISCA, LILACS, PubMed, Scielo, e PERI. O objetivo foi colacionar informações que permitissem avaliar as condições de higidez dos cultivos em Santa Catarina. Concluiu-se que, esse Estado conta com a especial condição, de não apresentar registro oficial de nenhuma das enfermidades de declaração obrigatória, aos serviços oficiais de saúde animal.

Texto completo:

PDF