PISCICULTURA BRASILEIRA E A INFLUÊNCIA DA ORDEM ODONATA, UMA REVISÃO

Murilo Henrique Tank Fortunato, Caroline Lopes de Melo, Humberto Fonseca Mendes

Resumo


A piscicultura brasileira está em expansão no Brasil, um setor que cresce a cada ano, porém na fase da larvicultura onde os peixes são inseridos em viveiros escavados e os mesmos em decorrência da sua vulnerabilidade e tamanho ficam susceptíveis a doenças e predadores. Dentre os predadores da piscicultura estão os insetos aquáticos, no qual os da ordem Odonata são considerados os principais. A ordem Odonata apesar de causar a predação na larvicultura de peixes é importante pois desempenham papeis importantes no ambiente aquático e são considerados bioindicadores. Mesmo com essa importância o piscicultor para resolver esses problemas acabam por despejar defensivos agrícolas ou proporcionar a calagem intensa que o que pode trazer consequências graves tanto para os peixes como para a qualidade da água, diante disso seria necessário pensar em sustentabilidade na piscicultura com um manejo ou um controle natural desses predadores para que não haja impactos ambientais. Portanto o objetivo desse trabalho foi abordar o histórico da piscicultura brasileira, os problemas enfrentados na larvicultura por predação de Odonata e oferecer alternativas sustentáveis de controle.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25110/arqvet.v23i1cont.2020.7818