INTERDISCIPLINARIDADE NA PERCEPÇÃO DE DOCENTES DE ENSINO SUPERIOR

Alecsandra Pinheiro Vendrusculo, Nadiesca Taísa Fillipin, Thomaz Figueiredo da Cunha, Maria Rosa Chitolina Schetinger

Resumo


O objetivo foi conhecer a percepção de docentes acerca da interdisciplinaridade no ensino da fisioterapia. Participaram do estudo 10 docentes, que responderam a um questionário sobre “Interdisciplinaridade no ensino da fisioterapia”. O contato ocorreu em março de 2018, na reunião semanal do curso. Os dados foram interpretados por meio de análise de discurso. Os docentes percebem a interdisciplinaridade como uma integração, interação de diferentes saberes. Atualmente busca-se trabalhar a interdisciplinaridade de forma mais efetiva quando comparado ao passado. As estratégias utilizadas são o trabalho em equipe com diversos profissionais da área da saúde, estágio, as rodas de conversa, entre outros. O exercício da interdisciplinaridade pelos discentes ainda é difícil, mas não se pode pensar em outro modelo de formação onde a interdisciplinaridade não seja o ponto norteador, pois assim surgirão profissionais preparados e motivados para uma atuação diferenciada, competente e contemporânea.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25110/educere.v19i2.2019.7043