Uma análise da evolução da balança comercial agrícola brasileira

Mirian Beatriz Schneider Braun, Joselaine Cristina Zabot, Odacir Miguel Tagilapietra

Resumo


O objetivo deste trabalho será realizar uma análise do desempenho
da balança comercial brasileira no período pós-segunda guerra mundial. O
que se pretende avaliar é a reação do setor em relação à política comercial
implementada, demonstrada através da inserção internacional dos produtos
agrícolas brasileiros, levando ainda em consideração as medidas adotadas
internacionalmente, relacionadas aos fluxos de produtos agrícolas. Os avanços
nas áreas de transportes, comunicações e informática e a derrocada das economias
socialistas, provocaram importantes alterações nas rotas do comércio agrícola.
Com a assinatura dos acordos da Rodada Uruguai, esse processo adquiriu um
novo ímpeto e, atualmente de uma forma ou de outra, todos os países do mundo
estão sendo afetados pela crescente liberalização dos mercados e, pelo que isso
representa, em termos de aumento no fluxo mundial de bens e serviços e no
movimento internacional de capitais. Em termos de economia brasileira o grande
legado desse processo foi a modernização da agricultura que modificou sua
estrutura com a industrialização da mesma. Atualmente, o tipo de produto, de
origem agrícola, que passa a compor a pauta de exportações apresenta diferentes
níveis de processamento. Portanto, a análise da balança comercial do conjunto
das atividades agroindustriais, hoje, não pode deixar de levar em consideração
essas mudanças.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25110/receu.v5i1.287