SERÁ A MORAL ILUSÓRIA

Ana Pedro

Resumo


Neste artigo, propomo-nos refletir sobre os fundamentos naturais da ética e da moral, numa confrontação entre as “filosofias da escolha” (filosofias existencialistas) e a teoria evolucionista que coloca em causa o problema da liberdade e da responsabilidade moral. Estarão, desde logo, as nossas decisões e comportamentos morais biologicamente predeterminados? I. é. A nossa conduta moral estará determinada pela nossa escolha e decisão livres ou é consequência de uma resposta utilitária face às exigências de sobrevivência?Existirá uma biogénese da moral? Tal significará que a função ética também é uma função adaptativa? Essas são apenas algumas das questões que guiarão a nossa argumentação, conduzindo a um reexaminar das questões essenciais do que significa ser moral e ser ético e, mais especificamente, de uma visão diferente da nossa natureza, do que somos, como somos e por que somos como somos.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25110/akrópolis.v22i1.5565