AVALIANDO A PREVISIBILIDADE DO RETORNO SOBRE O PATRIMÔNIO LÍQUIDO DE EMPRESAS NEGOCIADAS NO MERCADO ACIONÁRIO BRASILEIRO PELO MODELO CAPM: RESULTADOS DE UMA INVESTIGAÇÃO EMPÍRICA

Gilberto Clarício Martinez Guerra, Régio Marcio Toesca Gimenes

Resumo


A dúvida sobre a melhor forma de investir, na maioria das vezes, faz com que o investidor escolha o mais seguro e o mais conhecido investimento, sem levar em consideração outros fatores importantes. O presente artigo tratará da análise do retorno esperado e do retorno real de 26 (vinte e seis) grandes empresas
do mercado de capitais brasileiro, através da utilização do modelo CAPM (Capital Asset Pricing Model) em três períodos diferentes, assim como sua comparação com a taxa de remuneração de um CDI (Certificado de Depósito Interbancário), para definir o melhor resultado de uma aplicação de recursos. Para tanto, fez-se um breve estudo sobre tal modelo, seus testes e exequibilidade no
Brasil. Em seguida, na apresentação dos resultados, foram utilizados os valores do beta e do retorno sobre o patrimônio líquido do software Economática, para realização dos cálculos e comparações propostas; além dos valores da CDI do mesmo período como taxa livre de risco. Após as análises, observou-se que o modelo CAPM não possuiu relevância significativa no mercado de capitais brasileiro, tendo seu melhor resultado no período de 04/2006 a 03/2007, quando o prêmio pelo risco de mercado estava menor.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25110/receu.v8i1.2672