INSTITUCIONALIZAÇÃO DE PRÁTICAS E POLÍTICAS DE CONCESSÃO DE CRÉDITO E DE COBRANÇA EM UMA EMPRESA DO RAMO DE NUTRIÇÃO ANIMAL

JOELMA SANDRA DA SILVA, SUZANE BENTO BRANDÃO, José Luiz Borsatto Junior

Resumo


Este estudo objetivou compreender como ocorreu o processo de institucionalização dessas novas práticas e políticas de concessão de crédito e cobrança. Para tal finalidade, investigou-se uma indústria paranaense, à luz da Teoria Institucional. A empresa em questão passou recentemente por um processo significativo de mudanças em seu departamento financeiro. Adotou-se abordagem qualitativa de pesquisa, e a coleta de dados foi realizada por meio de entrevistas e pesquisa documental. Adotaram-se como procedimentos analíticos a análise de conteúdo temática e as codificações aberta, axial e seletiva. Constatou-se que a empresa enfrentou uma mudança organizacional que ocorreu devido à desinstucionalização de práticas e políticas que se mostraram ineficientes, visto que a empresa possuía uma grande volume de valores e receber e passava por dificuldades financeiras. A nova postura dos sócios dos gestores e dos funcionários da organização provocaram a institucionalização de novas políticas de concessão de crédito e de cobrança, o que reestabeleceu a saúde financeira da empresa e aprimorou as relações com os clientes. Conclui-se que essa mudança organizacional proporcionou o aperfeiçoamento das práticas e políticas de concessão de crédito e cobrança, dos índices de inadimplência, da inter-relação entre os indivíduos envolvidos no process. Ainda, impulsionou a sofisticação dodepartamento financeiro da empresa.

 


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25110/receu.v22i1.8437

Esse periódico está licenciado sob uma Licença Creative Commons CC BY 4.0

https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/deed.pt_BR