PRINCÍPIOS BÁSICOS PARA PRODUÇÃO DE SILAGEM

Alberto Jefferson da Silva Macêdo, Edson Mauro Santos

Resumo


Conservar alimentos na forma de silagem possui grande valia em regiões que ocorre estacionalidade climática, onde o excedente de forragem produzido no período das águas poderá ser utilizado posteriormente na época de estiagem. Para se produzir silagem de qualidade é preciso atentar-se para vários fatores inerentes ao método como também a planta forrageira a ser utilizada. Assim, conhecer os princípios básicos para produção de silagem são de grande valia para se produzir volumoso conservado de qualidade. Objetivou-se apresentar nesta revisão abordar conceitos sobre a produção de silagem, como também as alterações que ocorrem durante o processo fermentativo. As principais características químicas avaliadas na silagem são: composição química, pH, capacidade tampão, as concentrações de ácidos orgânicos (ácidos láctico, acético, propiônico e butírico) e o nitrogênio amoniacal sob o percentual de nitrogênio total. Conhecer as adequadamente as etapas para a produção de silagem, são de grande valia para entender como funciona o processo fermentativo e como pode ser maximizado, resultando em silagem de qualidade e consequentemente satisfatório desempenho animal.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25110/arqvet.v22i4.2019.6948