Complicações Crônicas do Diabetes Mellitus e Avanços em Pesquisas Sobre os Efeitos da Neuropatia Diabética no Tubo Digestivo

Débora de Mello Gonçales Sant’Ana, Rita Cristina da Silva Cardoso, Jaqueline Nelisses Zanoni, Evanilde Buzzo Romano, Marcílio Hubner de Miranda-Neto

Resumo


O diabetes mellitus produz uma série de manifestações crônicas, devido à elevação, por um longo período, da taxa de glicose sanguinea, o que leva à distúrbios do metabolismo de carboidratos, lipídeos e proteínas. A sintomalogia pode aparecer como um sinal tardio do diabetes mellitus. É demonstrado através de anticorpos insulares que podem ser preexistentes muitos anos antes que a célula B do pancras se manifeste anormal. Dentre as complicações crônicas do diabetes mellitus destacam-se a macroangiopatia, microangiopatia e neuropatia diabética, as quais provocam uma grande mortalidade e incapacitações. Estima-se que, no Brasil, existam cinco milhões de indivíduos diabéticos. Devido à elevada incidência desta doença, tem-se levantado a cada ano uma gama de novas pesquisas, pois muitos dados de sua patologia permanecem obscuros. Nesse artigo, realizamos uma revisão de literatura dos principais aspectos das complicações crônicas do diabetes mellitus.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25110/arqsaude.v1i1.1997.872