Lesões Do Músculo-Esquelético Em Estudantes De Educação Física: Esporte, Localização E Tipo De Lesões

Gonzalo Cuadrado, Juan C. Redondo, Sandra Mara F. C. Martins, Silvia Aparecida Pieta

Resumo


O objetivo deste trabalho foi investigar a participação de lesões músculo-esquelético em estudantes de Educação Física no Estado do Paraná-Brasil. Foram realizados questionários com 1.649 alunos (778 masculinos e 871 femininos). Encontrou-se lesões em 26,86% dos homens e 32,03% das mulheres. Nossos resultados mostram que o atletismo foi a prática desportiva com o maior número de lesões, em ambos os sexo (28,23%-homens e 36,20%-mulheres). O tipo de lesão mais comum foi a seguinte (27,75%-homens e 20,43%-mulheres). A região anatômica mais afetada foi o tornozelo nos homens (25,36%) e o joelho nas mulheres (25,81%). Os resultados proporcionaram argumentos para que se adotem programas de prevenção de lesões desportivas nos cursos de formação de professores de Educação Física, com a finalidade de discutir o número de lesões.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25110/arqsaude.v6i1.2002.1147