O USO DE METODOLOGIAS ATIVAS NA FORMAÇÃO DO PROFISSIONAL ENFERMEIRO CRÍTICO-REFLEXIVO: EXPERIÊNCIA ENTRE RESIDENTES

Marcos Vítor Naves Carrijo, Taynara Souza Rodrigues, Tiago Silva Peixoto, Mayara Rocha Siqueira Sudré, Graciano Almeida Sudré

Resumo


Este estudo tem por objetivo descrever a experiência de residentes enfermeiros frente à utilização de metodologias inovadoras no processo de construção do conhecimento por meio do processo de reflexão da prática durante as tutorias do Programa de Residência Multiprofissional em Saúde do Adulto e Idoso da Universidade Federal de Rondonópolis. Trata-se de um estudo descritivo, tipo relato de experiência, construído a partir das discussões realizadas no eixo específico de área profissional do programa, tutoria de área da enfermagem. A tutoria desenvolveu-se como ação de orientação que promoveu e facilitou o desenvolvimento integral dos residentes, nas suas dimensões cognitivas e sociais possibilitando a construção do conhecimento e de habilidades psicomotoras e atitudinais, favorecendo a construção da visão holística da pessoa assistida no contexto hospitalar, explorando a compreensão ampla do conceito saúde-doença, sendo uma ação que permitiu a integração ativa e a preparação dos residentes, canalizando e dinamizando as suas relações com os diferentes serviços garantindo o uso adequado e a rentabilidade dos diferentes recursos que esse modelo de formação oferece. Por meio de estratégias de busca foi possível contrapor com a experiência dos enfermeiros residentes com utilização de Metodologias Ativas na produção de conhecimento durante as discussões no eixo específico de área profissional do programa, tutoria de área da enfermagem. O cenário observado evidenciou a troca de saberes e o estímulo para buscas de evidências científicas, no processo de validação da prática desenvolvida em serviço e aperfeiçoamento do processo de tomada de decisão cotidiana da prática profissional.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25110/arqsaude.v24i3.2020.8008