ESTUDO DESCRITIVO DAS VARIAÇÕES ANATÔMICAS DOS RAMOS DO ARCO AÓRTICO

Karinne Ferreira da Silva, Kleber Fernando Pereira, Kathiane Pereira Albuquerque, Juliano Yasuo Oda, Cláudio Silva Teixeira

Resumo


O arco aórtico é o segundo segmento da aorta que se curva súpero posteriormente e para esquerda, sobre a face anterior da traqueia. originando três vasos: o primeiro ramo é a artéria tronco braquiocefálico que se ramifica em artéria subclávia direita e artéria carótida comum direita; o segundo é a artéria carótida comum esquerda e o terceiro é a artéria subclávia esquerda. As variações anatômicas dos ramos do arco aórtico são frequentes e podem surgir de diversos tipos (Tipo A, B, C, D e E). A trajetória desses vasos tem uma grande importância clínica e cirúrgica para profissionais e estudantes, podendo contribuir para realizar procedimentos na região anterior do pescoço minimizando lesões dessas estruturas. Este trabalho trata-se de um estudo descritivo macroscópico com abordagem quantitativa mediante análise de dezenove arcos aórtico provenientes de cadáveres humanos indigentes e formolizados a 10% pertencentes ao Laboratório de Anatomia Humana da Universidade de Rio Verde. A proposta deste estudo foi identificar, descrever e verificar o índice das variações anatômicas dos ramos do arco aórtico. Observou-se que quinze dos arcos (78,9%) apresentaram o padrão comum tipo A, e em quatro arcos (21,1%) eram variações anatômicas. Dentre essas variações, duas eram do tipo B (10,5%), uma do tipo C (5,3%) e uma do tipo D (5,3%).

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25110/arqsaude.v16i3.2012.4963